Copa do Mundo: Veja as seleções que vão jogar no Catar em 2022

Bola e taça da Copa do Mundo do Catar expostas durante sorteio dos grupos do Mundial

Mundial será realizado em data diferente do comum e reunirá grandes craques do futebol, com confrontos entre eles já na fase de grupos.

Copa do Mundo 2022 vai ser disputada no Catar entre os dias 21 de novembro e 18 de dezembro. A expectativa pelo torneio cresce cada vez mais. São 32 seleções que reúnem craques na maior competição de futebol do planeta.

Normalmente disputado a cada 4 anos, o Mundial de 2022 teve um prazo um pouco maior. Serão 4 anos e meio de diferença para último, disputado na Rússia em 2018 e vencido pela França.

Você sabia que é possível fazer apostas na Copa do Mundo? Sim! E com a Betnacional fica ainda mais prático.

Copa do Mundo em data atípica

É curioso a Copa do Mundo do Catar ser disputada em novembro, e não em junho, como é tradicionalmente. Porém, devido ao clima no Oriente Médio, o torneio só poderia ser realizado próximo ao inverno na região.

Ou seja, nos meses de novembro e dezembro, com temperaturas amenas. No verão, os termômetros se aproximam e até passam dos 50º C. Isso torna inviável a prática do futebol e a realização da Copa nos meses tradicionais, que correspondem ao verão no hemisfério norte.

O sorteio dos grupos aconteceu em abril, onde tivemos as 27 primeiras seleções classificadas conhecidas. As últimas 5 vagas foram decididas via repescagem, somente em junho.

Mesmo assim, com as definições das chaves, foram definidos duelos equilibrados, sem a presença de um “grupo da morte”. Confira, abaixo, as seleções que participarão do torneio.

Quais as seleções classificadas para a Copa do Mundo 2022?

Seleções disputam as Eliminatórias da Copa do Mundo para se classificar. Veja todas as que já garantiram vaga.

América do Sul

Na América do Sul, com 4 vagas diretas para a fase de grupos, avançaram Brasil, Argentina, Equador e Uruguai. A Canarinho e a Albiceleste chegam em bom momento e prometem uma briga franca com os europeus.

O Peru, 5º colocado nas Eliminatórias, vai para a repescagem contra um uma seleção vinda das Eliminatórias da Ásia. Nesse caso, Emirados Árabes ou Austrália.

Europa

A Europa leva 13 seleções para a Copa do Mundo. Já estão confirmadas França, Inglaterra, Holanda, Alemanha, Portugal, Espanha, Bélgica, Polônia, Dinamarca, Croácia, Sérvia e Suíça. A última vaga ficou com a Ucrânia/o País de Gales, via repescagem.

África

O continente africano conta com 5 representantes no Mundial do Catar. São eles: Senegal, Tunísia, Marrocos, Camarões e Gana. Ficou de fora a seleção do Egito, do craque Mohamed Salah, do Liverpool. Os egípcios foram eliminados pelos senegaleses na decisão pela vaga no a Copa do Mundo.

Ásia

O Mundial tem 5 representantes asiáticos garantidos. Um deles, obviamente, é o Catar, país sede da competição. Pelas eliminatórias, se classificaram Irã, Arábia Saudita, Japão e Coreia do Sul. A última vaga passa por Austrália e Emirados Árabes, que se enfrentarão e depois vão decidir a repescagem com o Peru.

América Central, América do Norte e Oceania

Vindos da Concacaf, há um retorno bastante comemorado. O do Canadá, 36 anos após sua última copa, em 1986. Líder das eliminatórias, o time canadense vem acompanhado de Estados Unidos e México.

A Costa Rica foi para a repescagem e enfrentará a Nova Zelândia, única representante das eliminatórias da Oceania. Entretanto, como não tem vaga direta para a Copa, precisará passar por essa disputa com “Los Ticos”.

Quais os grupos da Copa do Mundo 2022?

O sorteio dos grupos do Mundial do Catar foi realizado no dia 1º de abril. Existia a expectativa sobre a formação de algum “grupo da morte”, com 3 seleções mais tradicionais numa mesma chave. Contudo, não foi bem assim.

Houve uma distribuição mais linear entre as equipes e há seleções claramente favoritas para passar ao mata-mata em cada grupo. Confira, abaixo, a configuração de cada um dos oito grupos da Copa do Mundo 2022.

GRUPO A: Catar, Equador, Senegal 3 Holanda

A chave dos anfitriões do torneio, que não devem incomodar tanto as outras seleções. A Holanda é a clara favorita para avançar na 1ª colocação. Enquanto que Senegal e Equador, duas esquadras com níveis semelhantes e bons valores, podem render uma boa disputa. Contudo, os africanos largam com um favoritismo maior nesta comparação.

GRUPO B: Inglaterra, Irã, Estados Unidos e País de Gales/Ucrânia

Mais uma chave com um time favorito em relação aos demais. A Inglaterra não deve ter maiores dificuldades para conquistar a 1ª colocação do Grupo B. Por outro lado, a última vaga fica em um nível técnico mais semelhante.

Irã, Estados Unidos e Ucrânia/País de Gales brigarão pelo 2ª lugar e a vaga deve ser definida somente na última rodada.

GRUPO C: Argentina, Arábia Saudita, México e Polônia

A Argentina vem como favorita e está embalada após a conquista da Copa América em 2021, que encerrou um jejum de 28 anos sem títulos. Além disso, com um bom futebol, é uma das seleções cotadas ao título.

Na disputa pela 2ª vaga, o México não deve ter grandes problemas. Enfrenta uma Polônia com problemas neste ciclo da copa e a Arábia Saudita, que deve apenas figurar no grupo.

GRUPO D: França, Peru ou Emirados Árabes ou Austrália, Dinamarca e Tunísia

A França, atual campeã mundial, chega na primeira prateleira de favoritismo para a taça. Com isso, também deve avançar para as oitavas de final com tranquilidade. A Dinamarca desponta para conquistar a 2ª vaga. Enquanto que Peru ou Emirados Árabes ou Austrália e Tunísia devem ficar pelo caminho  – a depender de quem se classificar.

GRUPO E: Espanha, Costa Rica ou Nova Zelândia, Alemanha e Japão

Essa é uma chave com 2 gigantes que brigarão pela liderança. Dificilmente se espera um resultado diferente da classificação de Espanha e Alemanha, restando saber a colocação em que cada uma avançará. Com isso, Costa Rica ou Nova Zelândia e Japão devem apenas ser figurantes na disputa.

GRUPO F: Bélgica, Canadá, Marrocos e Croácia

A Bélgica entra como favorita para avançar. Mas a 2ª posição há uma certa proximidade. A Croácia, atual vice-campeã mundial, chega com a intenção de fazer novamente uma boa campanha, mas tem uma seleção mais envelhecida.

Canadá volta à Copa do Mundo e quer ampliar sua história ao chegar ao mata-mata. Marrocos, que tem bons valores, deve dar trabalho, mas possui menor chance de classificação.

GRUPO G: Brasil, Sérvia, Suíça e Camarões

A chave da Seleção Brasileira repete 2 adversários da Copa de 2018, Sérvia e Suíça, e um da Copa de 2014, que é Camarões.

Canarinho é a favorita para avançar como líder. Com uma forte geração e um aparente fim da dependência técnica do time com Neymar, o sonho do hexa se aproxima.

Porém, o Brasil não terá vida fácil. As seleções europeias são times sólidos, que prometem dificultar a disputa. Sérvia e Suíça avançaram desbancando Portugal e Itália, respectivamente, nas eliminatórias da Europa. Enquanto isso, Camarões, com um time inferior tecnicamente, não deve dar tanto trabalho.

GRUPO H: Portugal, Gana, Uruguai e Coreia do Sul 

Uma chave também com equilíbrio. Enquanto Portugal tem maior repertório técnico, o time não tem rendido todo o seu potencial. Isso complica um pouco para os gajos, mas é possível avançar na liderança.

O Uruguai também pode aparecer nessa briga pela liderança, mas com menor chance. Por outro lado, mesmo com times um pouco inferiores, não dá para descartar Gana e Coreia do Sul na possibilidade de ser uma surpresa. Principalmente o time africano.

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here