Futebol

Dicas para cartoleiros nunca errarem nos seus palpites

O Cartola FC é o fantasy game mais jogado do Brasil, inspirado em outros jogos famosos que existem nos Estados […]

Homem negro mexendo no celular e vibrando por uma vitória

O Cartola FC é o fantasy game mais jogado do Brasil, inspirado em outros jogos famosos que existem nos Estados Unidos.

O Cartola é baseado no Brasileirão, com pontuações para os jogadores que entrarem em campo nas rodadas do campeonato, baseada em suas estatísticas dentro de campo.

Entenda, com este artigo do blog da Betnacional, como jogar e as principais dicas para ir bem ao longo de todo o Campeonato Brasileiro. Continue a leitura até o final e confira algumas dicas para cartoleiros.

Como jogar Cartola FC?

Para começar a jogar o Cartola, é preciso fazer a sua conta no site oficial do jogo. Lá você cria seu time, escolhe o nome, cores, escudo e uniforme. Ao terminar esse processo, você escolhe 11 jogadores, um técnico e até 5 reservas para a rodada.

As pontuações dos atletas se dão através de 20 scouts. Deles, são 10 critérios de pontuação com ações ofensivas e 10 com ações defensivas.

Ao fim da partida, a pontuação é somada para determinar o quanto ele fez nela. Todos os jogadores iniciam a partida com 0 ponto. Há critérios que somam pontos aos atletas, mas também há aqueles que tiram

Para escalar o time no Cartola FC, é preciso que o mercado de jogadores esteja aberto. Ou seja, ao fim das rodadas, ele é atualizado e se abre para fazer as escalações. Mas ele é fechado 30 minutos antes do primeiro jogo de cada rodada.

Depois de fechar, não é mais possível escalar seu time.

Ligas do Cartola FC

É possível participar de ligas para disputar com seus amigos e outros competidores. Dentro de cada liga, há o ranking por rodada, mês, turno e o campeonato por completo. Com o mercado fechado, se pode acompanhar as pontuações em tempo real dos atletas e dos times da sua liga.

Escalações dos times

Dentro das escalações para a rodada do Cartola FC, você pode variar a formação do time com vários esquemas táticos.

Além disso, também se escolhe um capitão dentre os 11 titulares. Esse jogador terá sua pontuação dobrada. É uma ótima tática quando bem usada para ligas que contam o ponto em dobro.

É preciso ficar atento ao status dos jogadores no mercado ao escalar seu time. Isso porque o atleta pode estar como provável titular, dúvida, suspenso, machucado ou nulo.

Por isso que o uso de atletas reservas também é bastante interessante para que se possa ter um time completo, caso um titular não entre em campo.

Confira a lista dos principais jogadores no Cartola.

Como o jogo começa

Cada time inicia o campeonato com 100 cartoletas, que é a moeda do jogo. Existe um sistema de valorização dentro do jogo, onde cada atleta tem um preço que varia de acordo com seu rendimento em relação à última partida.

Com isso, é importante aliar sua busca de pontos com o ganho de cartoletas. Para que, assim, seja possível montar times com os melhores jogadores. E eles, geralmente, são mais caros.

As cinco rodadas iniciais do Cartola FC possuem um sistema de valorização um pouco mais complexo.

Entretanto, é nesse período onde é possível largar bem e ganhar muitas cartoletas que podem fazer a diferença no restante da competição. Então vale a pena ter esse cuidado para se destacar nas ligas.

Falando nisso, que tal aprender a como apostar em futebol? Acesse o guia completo da Betnacional!

Como pontuar bem no cartola?

Cada rodada tem suas particularidades e também há o peso do inesperado dentro do futebol. Porém, alguns pontos são possíveis de ter segurança e jogar para conseguir boas pontuações. Isso passa, principalmente, por identificar os clubes favoritos em cada jogo da rodada.

Quais são os jogos mais fáceis, em teoria, para pontuar bem no Cartola? Aqueles onde uma equipe favorita recebe em casa um time que briga contra o rebaixamento, por exemplo.

Existe uma análise maior, com equipes que brigam pelo título, como Flamengo, Palmeiras e o atual campeão Atlético-MG.

Também há a análise sobre o momento de cada clube. Quem vem numa boa sequência de vitórias, embalado com boas atuações? E aquele time que está mal, não vence e a má fase não passa? São bons pontos a se observar.

Outro aspecto importante de observar são as estatísticas de cada time jogando dentro de casa e também fora de casa. Isso influencia no peso do jogo e nas pontuações.

Como escolher jogadores para o Cartola

Depois de passar pelas análises coletivas, também é preciso observar os contextos individuais dentro de cada partida do Brasileirão para o Cartola.

Há jogadores que podem não ser os melhores dentro de campo na sua equipe. Porém, dentro do game, vão bem. Os chamados “jogadores de Cartola” nas redes sociais. Se trata do atleta que costuma ter boas pontuações, mesmo sem jogar bem.

Essa avaliação passa pelo rendimento do atleta dentro de campo, pelas suas ações com e sem bola. Como os scouts se baseiam nessas estatísticas, é sempre bom escolher jogadores participativos dentro de campo.

Por exemplo, um atacante bom e que terá boas pontuações é aquele que marca gols com regularidade.

Entretanto, um atacante que finalize bastante, sofra muitas faltas, e que mesmo que não seja tão artilheiro, mas contribua com assistências ou mesmo desarmes, irá fazer boas pontuações.

Ou seja, atletas prestativos possuem maiores chances de acumular uma boa pontuação dentro do Cartola FC.

No caso do atual campeão Atlético-MG, o atacante Hulk sempre foi uma escolha constante dos cartoleiros nos seus times.

Artilheiro do último Brasileirão com 19 gols, ele somou muitos pontos por causa disso. Mas também é um jogador participativo. Finalizou bastante a gol, sofreu várias faltas e também contribuiu com assistências. Ou seja, isso pesa na escolha de um atleta.

Da mesma forma, um zagueiro, lateral ou volante que sejam mais agressivos e desarmem bastante, também são bons nomes para se escalar. Além de que a possibilidade de ganhar o saldo de gol na rodada – quando o time não é vazado – também conta bastante nessa análise.

Um exemplo também dentro do Atlético-MG, era o lateral-esquerdo Guilherme Arana.

Além de também ter uma boa participação ofensiva, ele ajudava bastante defensivamente. Ou seja, desarmes e saldo de gol impulsionaram o ala a conseguir altas pontuações na última edição do Cartola FC.

No caso dos goleiros, a escolha também se assemelha à dos defensores, por conta do saldo de gol. Mas, além disso, é também preciso analisar outro scout importante para a pontuação dele: as defesas. Cada defesa do goleiro no jogo vale ponto.

Sendo assim, um time com boa defesa, que sofre poucos gols, pode ter um goleiro que não pontue tão bem por não ser muito exigido dentro do jogo. Isso aconteceu bastante quando houve a reformulação no sistema de pontos dos goleiros no Cartola.

Nesse sentido, é preciso saber dosar onde jogar com segurança, com um time que o goleiro será pouco acionado, mas pode garantir o saldo de gol.

Ou arriscar com um goleiro que pode ser exigido bastante dentro da partida, por enfrentar um time que finalize muito, mas que pode “fechar a barra” e mitar dentro do Cartola.

Analisar estatísticas, escolher favoritos, identificar os jogadores que pontuam bastante por serem participativos – independente de gol ou assistência -, são algumas das principais dicas na hora de analisar sua equipe e montá-la para uma competição longa como é o Cartola FC.

COMPARTILHE

Bombando em Futebol

1

Futebol

Supercopa do Brasil 2024: aposte em Palmeiras x São Paulo na BetNacional!

2

Futebol

Estatísticas do Corinthians: Confira o que esperar do Timão no Brasileirão

3

Futebol

Descubra o surgimento, importância e significado dos números da camisa

4

Futebol

Guia completo de como apostar em jogos de futebol!

5

Futebol

7 maiores times italianos da história do futebol